terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

"Memórias de Areia"

Foi com alguma expectativa e espírito curioso que desloquei-me no dia 06 de Fevereiro até ao Museu do Oriente de forma a assistir ao espectáculo "Memórias de Areia" !
"Memórias de Areia" ... elogio do silêncio, sob a forma de Dança Butoh.
Apesar de nunca ter presenciado uma actuação, já tinha ouvido falar deste género de arte radical e simplesmente adorei.
Interpretada por Maria Reis Lima e acompanhada por Sofia Cascalho no cravo e Dorothea Derlath-Meindl na flauta, encantei-me com esta espécie de Poesia do Corpo, em forma de Haiku. Uma expressão corporal reduzida ao mínimo. Pude vislumbrar na Arte Butoh um sopro de Zen como na poesia Haiku e uma expressão muito serena como na Ikebana, quando o artista transporta o seu interior para o exterior.
Gostei imenso da Parte II-Sanuki, nomeadamente a cena dominada pela areia e búzios. Senti como se uma fonte de energia nascesse de um Sol interior.
Uma experiência única !

Sem comentários: