sexta-feira, 20 de março de 2009

No Saldanha Residence a ver ...

Tempos de Verão
Título Original: L'Heure d'été

Género: Drama
País: França

Ano: 2008
Duração: 103m
Classificação: M12
Intérpretes: Charles Berling , Edith Scob , Jérémie Renier , Juliette Binoche
Realização: Olivier Assayas
Argumento: Olivier Assayas


"É Verão.
Na casa familiar de campo, Frédéric, Adrienne, Jérémie e as crianças festejam os 75 anos da sua mãe, Hélène Berthier, que toda a sua vida preservou a obra do seu tio, o pintor Paul Berthier. Uns meses mais tarde, com o desaparecimento repentino de Hélène, eles serão obrigados a confrontarem-se com os objectos obscuros do passado. Esta família, aparentemente tão feliz, conseguirá manter-se unida?"

Gostei bastante deste filme, que mais me pareceu um documentário sobre uma qualquer família burguesa e o seu legado à história da arte do que propriamente um drama.
Uma família cuja identidade é representada pela própria casa familiar ( um recanto idílico próximo de Paris ) e sua colecção privada. A relação dos familiares com os diversos objectos que constituem a referida colecção é tocada em quase todos os aspectos: o objecto com valor sentimental, artístico, histórico, económico, social, estético ou ainda utilitário.
Tempos de Verão é feito de delicadezas, não pretendendo estabelecer juízos de valor, mas apenas desnudar a realidade dos relacionamentos tanto com os objectos como com as pessoas mais próximas.
Olivier Assayas conseguiu tocar-me pela sensibilidade de todo o enredo, pela forma como retratou as subtilezas das relações humanas e pela densidade que conferiu a personagens muito bem definidas enquanto unidade familiar.
Enfim, cada vez mais surpreendo-me e encanto-me com este estilo intimamente naturalista do cinema francês ! ;)

Vejam aqui o trailer !

Sem comentários: