sexta-feira, 8 de agosto de 2008

06 de Agosto ... No Jardim dos Sentidos




http://www.jardimdosentidos.com


" Um manjar dos sentidos ", segundo a minha amiga Xana e, nas minhas próprias palavras, uma verdadeira Ode aos sentidos ! ;)
Pois é, penso que estas 2 opiniões, espontâneas q.b., não poderiam exprimir melhor aquilo que achámos sobre o restaurante.


Eram 18.20 quando fui buscar a Xana, vinda de Cascais, à estação de Oeiras.
Pusemo-nos a caminho pela Marginal, sempre rindo e colocando algumas novidades em dia ! E que novidades ... ! ;)
Chegando a Lisboa, ainda andámos à procura de lugar para estacionar, mas desisti e deixei o carro no Parque Mayer.
Saindo de lá, são 5 minutinhos a pé até ao Jardim dos Sentidos na Praça da Alegria, mais concretamente na rua da Mãe de Água.

Entrámos, e reparando logo na pequena loja / mercearia do nosso lado direito, começámos a "cuscar" o que por lá havia ... Incensos, velas aromáticas, livros de receitas vegetarianas. ;)
Após uma "breve vistoria geral" ( diga-se de passagem, bastante positiva ... ambiente pitoresco, música com alguns laivos árabes, decoração simples, mas simpática ) sentámo-nos numa mesa no jardim exterior bastante sui generis.
Agradadas, reparámos numa tenda ali montada, supostamente para servir de local de celebração de rituais ... RITUAIS ?!? ... Sim, "rituais" de massagens de pedras quentes, bioenergéticas, ayurvédicas, entre outras experiências Zen.
O que já andavam a imaginar ? ;)

Prontamente, trouxeram-nos o menu, e tal como já tinha previamente decidido pedi como entrada cogumelos recheados com espinafres e queijos; prato principal, a "famosa" broa de milho e para beber uma bebida exótica não gaseificada, denominada Água de Rosas.
Por vezes, dou comigo a pensar que devo "sofrer" de algum tipo de obsessão ou sentimento de encantamento pelas rosas, porque já quando fui jantar aos Tibetanos pedi como sobremesa um inesquecível gelado de pétalas de rosa ! ;)
De qualquer forma, fiquei deliciada não só com a bebida em si, mas também com o design da lata, tanto que até a trouxe para casa.





http://www.roserush.com.sg/

Bem, mas prosseguindo ...

Os cogumelos ( 3 ) são muito saborosos e sempre forraram o estômago até à chegada da tão esperada Broa de Milho recheada. E digo-vos uma coisa, mas que especialidade vegan ... eu, que considero-me um bom garfo não consegui terminar o prato ! ;)

Prato esse, diga-se de passagem, muito bem guarnecido de salada vegan, milho, arroz basmati e, claro, a "célebre" broa recheada com tofu, cogumelos, nabiças, farinheira de soja, alho e muitos coentros.

Uma verdadeira maravilha ... !

Para sobremesa, escolhi o doce da casa e a Xana uma fatia de tarte de maçã e canela ... adorei o contraste entre o doce do chocolate, bolacha e chantily e o amargo da bola de gelado que acompanhou a minha iguaria.

Enfim, é um restaurante que recomendamos vivamente !

PS: Em Setembro, vou começar a frequentar cursos e workshops de cozinha vegetariana/vegan/macrobiótica ... já viram o que vai ser eu própria confeccionar em casa os meus pãezinhos de espinafres, empadas de tofu, rissóis de algas, and so on ... Nham, Nham ! ;)

2 comentários:

Alexandra disse...

Bom dia minha querida amiga! :)
Pois... eu sou a Xana!...E ABAIXOASSINO todo o conteúdo da mensagem escrita pela minha amiga. Um verdadeiro manjar aos sentidos...uma Ode aos sentidos. Pode-se sempre rematar, com um chá biologico e uma massagem ayurvedica ao final da refeição.
Recomenda-se "vivamente" este este espaço como local de visita ou de experienências sensoriais.

Aproveito para enviar-te um beijinho sónico e em Setembro lá estaremos na rota Vegan. ;)) **

Butterfly disse...

Fica combinado ... e olha que até já tenho uma sugestão, dada pela minha amiga Sofia, para o nosso périplo vegetariano ! ;)

Bjinhos XL